PLANTÃO

Cenas românticas foram cortadas de "Ultimato"


Vingadores: Ultimato tinha muitas linhas narrativas para resolver, e acabou deixando de lado o romance de alguns de seus personagens. A maior ausência foi o romance de Hulk e Viúva Negra que havia sido sugerido em Vingadores: Era de Ultron (2015), e os roteiristas Stephen McFeely e Anthony Markus justificaram ao The Hollywood Reporter.

Nós certamente tentamos incluir [o romance]. Em Vingadores: Guerra Infinita nós escrevemos algumas cenas em que eles conversavam e diziam, ‘você se foi e eu segui em frente’ e coisas desse tipo. Ficou bem claro que cenas que não pertenciam à trama principal e não poderia ser incluídas em Guerra Infinita. O filme tem que estar nos trilhos, nós não podemos incluir e fechar todas as tramas anteriores só porque é da nossa vontade. Precisa [o filme] ter um ritmo. - disse McFeely.

Co-roteirista de Vingadores: Ultimato ao lado de McFeely, Cristopher Markus explicou porque a relação de Bruce e Natasha não foi desenvolvida no filme.

Ele se tornou o Hulk inteligente e tudo ia ficar bem estranho, já que todos estavam de luto e ele se tornou um gênio de 2000kg. Seria estranho simplesmente dizer ‘Ah, eles estão namorando -  disse Markus.

De forma similar, um lance entre Thor e Valquíria também ficou de fora. Em entrevista para o programa da Entertainment Weekly, a dupla Anthony e Joe Russo falou sobre uma cena cortada em que Thor tentava beijar a Valquíria no final do longa, mas sem sucesso.

Tem uma cena engraçada. Se você lembra, no final do filme quando Thor está se despedindo da Valquíria, e ele basicamente entrega Asgard para ela. Ele tinha essa cena com a Valquíria, em que ela coloca o braço no ombro dele, e ele se inclina para beijá-la. E ela diz, ‘O que você está fazendo?’ E ele diz, ‘Ah, achei que por causa do toque’ E ela responde ‘Sim, é um toque de despedida. Um tapinha que estou te dando’. Foi uma cena engraçada, mas tivemos que cortar da versão final. - revela Anthony.

Vingadores: Ultimato segue em exibição nos cinemas mundiais.


Nenhum comentário