Novos filmes devem bater US$ 1 bilhão na bilheteria mundial


Sendo uns dos mais recentes lançamentos do ano, o live-action de Aladdin e Homem-Aranha: Longe de Casa devem alcançar uma marca histórica nas bilheterias mundiais. Ambos os longas devem atingir a marca de US$ 1 bilhão na bilheteria mundial, somando a doméstica (Estados Unidos) e ao redor do mundo.

Aladdin tem US$ 340 milhões nos EUA e US$ 648.8 milhões ao redor do mundo, totalizando US$ 988.8 milhões mundialmente, sendo a 40ª maior bilheteria da história do cinema. Já Homem-Aranha: Longe de Casa tem US$ 319.7 milhões nos EUA e US$ 651.1 milhões ao redor do mundo, totalizando US$ 970.8 milhões e sendo a 43º maior bilheteria da história do cinema.

Vale lembrar que Aladdin já está entrando em sua reta final nos cinemas, já que o longa estreou no dia 24 de maio, enquanto Homem-Aranha: Longe de Casa ainda tem uma longa jornada nos cinemas, pois o longa da Marvel chegou aos cinemas no dia 02 de julho (apenas 19 dias em cartaz pelo mundo).

Aladdin traz Mena Massoud como o protagonista, Naomi Scott como Jasmine, Will Smith como Gênio, Marwan Kenzari como o vilão Jafar e Numan Acar como Hakim, o braço direito do antagonista e chefe dos guardas. Nasim Pedrad e Billy Magnussen estão estão a bordo, vivendo personagens originais criados especificamente para a versão live-action.

Já Homem-Aranha: Longe de Casa conta novamente com Jon Watts na direção. Tom Holland reprisa seu papel como Peter Parker/Homem-Aranha, e no elenco de apoio temos os retornos de Zendaya como MJ e Marisa Tomei como Tia May. Jake Gyllenhaal foi escalado como o vilão Quentin Beck, também conhecido como Mysterio, um clássico inimigo do Homem-Aranha nos quadrinhos.




Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem