Durante participação no podcast The Fourth Wall, do site The Playlist, Tim Miller revelou quais eram seus planos originais para Deadpool 2. O diretor acabou deixando a produção por diferenças criativas.

Miller revelou que o relacionamento entre Wade e Reggie sempre esteve presente, mas a própria aparição de Cable seria diferente. A ideia é que o personagem tivesse um visual mais fiel aos quadrinhos, incluindo na altura. Nos quadrinhos, Cable mede 2,00m, enquanto o ator Josh Brolin tem apenas 1,78m.

O diretor também tinha preparado um arco “mais satisfatório” envolvendo Vanessa, ao invés de mata-la logo nos minutos iniciais. Além do seu relacionamento com Wade, também teríamos sua transformação em Copycat.

"Eu lutei muito para conseguir essa parte no roteiro." - diz Miller.

A batalha final, no entanto, seria onde teríamos a maior surpresa. Nela, Fanático enfrentaria ninguém menos do que o Coisa, membro do Quarteto Fantástico. De acordo com Miller, a FOX tinha conseguido sinal verde para a utilização do personagem, e inexplicavelmente acabou sendo descartado na versão final, comandada por David Leitch.

Deadpool 2 ainda conseguiu arrecadar US$ 785 milhões ao redor do mundo, e naquele momento, se tornou a produção com classificação R mais bem-sucedida de todos os tempos, tendo sido ultrapassada recentemente por Coringa, da Warner/DC.