PLANTÃO

Hartley Sawyer é demitido de "The Flash" por causa de comentários racistas


O ator Hartley Sawyer foi demitido da série de TV The Flash após vários tweets racistas e misóginos feitos entre 2012 e 2014 terem sido descobertos - caso simular ao que aconteceu com James Gunn, diretor de Guardiões da Galáxia na Marvel. Sawyer interpretava o super-herói Homem-Elástico na série da DC.

"Hartley Sawyer não voltará para a sétima temporada de The Flash. Em relação às postagens de Sawyer nas mídias sociais, não toleramos comentários depreciativos que visem qualquer raça, etnia, origem nacional, gênero ou orientação sexual. Tais comentários são antiéticos aos nossos valores e políticas, que se esforçam e evoluem para promover um ambiente seguro, inclusivo e produtivo para nossa força de trabalho." - diz um comunicado oficial da rede CW.

A conta de Sawyer no Twitter não está mais ativa, mas prints de suas mensagens continuam circulando. O ator pediu desculpas nos Instagram:

"Não estou aqui para dar desculpas – independentemente da minha intenção, minhas palavras tem peso e elas trazem consequências. E elas podem ter causado dor e constrangimento para fãs, companheiros de elenco, equipe, colegas e amigos. Devo um pedido de desculpas a todos. Devo um pedido de desculpas a cada um de vocês. Obrigado por me responsabilizarem."

O ator disse ainda que está arrependido e envergonhado, e que essas mensagens antigas não refletem a pessoa que ele é e a forma como pensa hoje.


Nenhum comentário