PLANTÃO

Gustavo Villani substituirá Tiago Leifert na narração do "FIFA 21"


Em um trailer lançado recentemente, a Eletronic Arts havia indicado a chegada de um novo integrante para a equipe de narradores e comentaristas brasileiros do FIFA 21. Desde que o vídeo foi ao ar, muitos especulavam que o nome a chegar seria Gustavo Villani, um dos maiores narradores esportivos da atualidade em nosso país. E os fãs, de fato, estavam certos.

Em um novo vídeo publicado hoje (11) no Twitter, a EA Sports Brasil anunciou a chegada de Villani para o lugar de Tiago Liefert, que estava há 10 anos no cargo. Caio Ribeiro continua como comentarista.


"Substituição no FIFA21… Valeu por tudo, Tiago! Seja muito bem-vindo, Guga!", diz a legenda do vídeo.

Villani, em seu Instagram, aproveitou a oportunidade para agradecer a EA Sports pela oportunidade e pela valorização de seu trabalho como narrador.


"Antes de mais nada, muito obrigado pelo reconhecimento, confiança, oportunidade e valorização profissional, @easportsfifabrasil, @easportsfifalatam e @easportsfifa. Em breve, volto com mais entendimento e outros agradecimentos. É oficial, chegamos às narrações virtuais, à indústria do entretenimento para todas as idades. No game esportivo líder de venda, no mundo.💪🏼🙏🏼"

Tiago Liefert também fez um post emocionante agradecendo por toda essa jornada de uma década narrando os jogos da maior franquia de futebol eletrônico do mundo. Confira:

Ver essa foto no Instagram

Não é correto dizer que era um sonho narrar o FIFA, porque nem mesmo nos meus sonhos mais distantes eu achei que fosse possível. Foi a maior e mais grata surpresa da minha carreira. Dez jogos. DEZ! Se eu nem sonhava que era possível, imagine então ficar tanto tempo. Eu amei cada mensagem dizendo “não aguento mais a sua voz aqui em casa!”. “Para de me cornetar!”. “Manda um áudio pro meu amigo dizendo que ele é péssimo por favor”. Acho que eu era o único caso no mundo de um narrador que é jogador assíduo, que sabe o quanto é frustrante ouvir “será que eles empatam agora?!”. Há dois anos eu comuniquei à EA que estava na hora de preparar a transição. Eu sempre tentei conduzir minha carreira dessa forma: eu acho importante mudar o rumo ANTES que o rumo mude sozinho ou alguém o faça. Estávamos no topo, sucesso total, todo mundo pronto pra continuar... e eu acho que é EXATAMENTE neste momento que é hora do novo. A EA foi como sempre uma incrível parceira e aceitou minhas sugestões sobre como deveríamos conduzir a troca, com o principal objetivo de fazer tudo com a calma necessária para não interferir na quantidade de linhas de narração. São muitas horas! E também levaram em conta o nome que eu achava ser o ideal. Traduzindo: tudo se encaixou perfeitamente. Meu MUITO obrigado à EA por essa honra, ao meu ex-chefe no Esporte Emanuel Castro que costurou o primeiro contrato, aos talentosíssimos Dani Perassolli (EA) e Charles Dalla (direção de áudio). Ao meu irmão Caioba, que sempre acredita nas minhas ideias, obrigado pela parceria e confiança. Caio segue nos comentários e comendo os sanduíches. A você que me acompanhou todos esses anos: obrigado por ter aceitado uma narração diferente, obrigado pelas brincadeiras e pelo carinho, tudo que fizemos foi pensando em vocês jogadores que insistem em passar a bola para a placa de publicidade. Agora, recebam com muito carinho: Gustavo Villani!

Uma publicação compartilhada por Tiago Leifert (@tiagoleifert) em


"Não é correto dizer que era um sonho narrar o FIFA, porque nem mesmo nos meus sonhos mais distantes eu achei que fosse possível. Foi a maior e mais grata surpresa da minha carreira. Dez jogos. DEZ! Se eu nem sonhava que era possível, imagine então ficar tanto tempo. Eu amei cada mensagem dizendo "não aguento mais a sua voz aqui em casa!". "Para de me cornetar!". "Manda um áudio pro meu amigo dizendo que ele é péssimo por favor".

Acho que eu era o único caso no mundo de um narrador que é jogador assíduo, que sabe o quanto é frustrante ouvir “será que eles empatam agora?!”. Há dois anos eu comuniquei à EA que estava na hora de preparar a transição. Eu sempre tentei conduzir minha carreira dessa forma: eu acho importante mudar o rumo ANTES que o rumo mude sozinho ou alguém o faça. Estávamos no topo, sucesso total, todo mundo pronto pra continuar… e eu acho que é EXATAMENTE neste momento que é hora do novo.

A EA foi como sempre uma incrível parceira e aceitou minhas sugestões sobre como deveríamos conduzir a troca, com o principal objetivo de fazer tudo com a calma necessária para não interferir na quantidade de linhas de narração. São muitas horas! E também levaram em conta o nome que eu achava ser o ideal. Traduzindo: tudo se encaixou perfeitamente.

Meu MUITO obrigado à EA por essa honra, ao meu ex-chefe no Esporte Emanuel Castro que costurou o primeiro contrato, aos talentosíssimos Dani Perassolli (EA) e Charles Dalla (direção de áudio). Ao meu irmão Caioba, que sempre acredita nas minhas ideias, obrigado pela parceria e confiança.

Caio segue nos comentários e comendo os sanduíches. A você que me acompanhou todos esses anos: obrigado por ter aceitado uma narração diferente, obrigado pelas brincadeiras e pelo carinho, tudo que fizemos foi pensando em vocês jogadores que insistem em passar a bola para a placa de publicidade. Agora, recebam com muito carinho: Gustavo Villani!"

FIFA 21 será lançado no dia 06 de outubro para PC, PlayStation 4, Xbox One e Nintendo Switch.


Nenhum comentário