Advertisement

Responsive Advertisement

Warner não queria filmagens adicionais em "Liga da Justiça de Zack Snyder"


A Liga da Justiça de Zack Snyder estreou no último dia 18 de março, e rapidamente se tornou um dos filmes de super-heróis mais aclamados da história pelo público. O filme finalmente trouxe a versão original do cineasta para o projeto, que havia sido completamente alterado pelas mãos da Warner e de Joss Whedon em 2017, quando o longa chegou aos cinemas.

No entanto, segundo o diretor revelou em uma entrevista ao Cinema Blend, mesmo quando a Snyder Cut foi finalmente aprovada e ele estava fazendo os ajustes finais, a Warner não queria permitir a gravação de qualquer outra coisa para o filme.

"O estúdio não queria que eu filmasse nada. Uma das regras para fazer o Snyder Cut era que o estúdio proibia filmagens de qualquer tipo. E então eu, é claro, filmei coisas de qualquer maneira, porque de repente, pensei ‘Espere, agora existem regras para o corte? Isso parece injusto. Snyder Cut, mas com algumas advertências?’ E, francamente, existem aquelas ressalvas porque havia muitas coisas, e não vou listá-las aqui, que o estúdio não queria que eu incluísse na minha versão do filme."

Liga da Justiça de Zack Snyder está disponível no Brasil através de múltiplas plataformas de compra e aluguel, incluindo Google Play, PlayStation Store, Microsoft Store e Apple TV.



Postar um comentário

0 Comentários