Conheça Kang, o Conquistador, o próximo grande vilão do MCU


O último episódio de LOKI trouxe grandes cenas de ação e até um breve romance entre Loki e Sylvie, mas no meio de toda a conclusão da série, o episódio apresentou um possível grande vilão para o MCU: Kang, o Conquistador.

Sim, o personagem de Jonathan Majors (de Lovecraft Country) finalmente deu às caras no MCU, prometendo ser um terrível vilão para o futuro dos filmes da "casa das ideias". Mas você já ouviu falar do tal vilão ou já está por dentro de tudo sobre ele?

Aqui, a gente te conta tudo!



Quem é o Kang?

Kang era um cientista do século 31 chamado Nathaniel Richards – um descendente de Reed Richards, o Senhor Fantástico do Quarteto Fantástico. Nathaniel descobriu a viagem no tempo através do poder do arquiinimigo de Reed Richards, o Doutor Destino, usando a tecnologia para viajar ao antigo Egito e se tornar o faraó Rama-Tut – um vilão que foi derrotado pelo Quarteto Fantástico quando a equipe estava deslocada no tempo, definindo um linha temporal correta e enviando Nathaniel Richards para um futuro distante.


Chegando centenas de anos no futuro de sua própria linha temporal, Nathaniel usa seu conhecimento de viagem no tempo e a tecnologia de muitas eras diferentes para conquistar este mundo futuro, usando o nome de Kang, e jurando conquistar outras eras também, com seu objetivo de eventualmente governar toda a história.

Desde então, Kang desafiou os Vingadores inúmeras vezes, sempre tentando derrotá-los e conquistar a Tempo – e ele empregou múltiplas identidades para fazer isso. Na verdade, Kang teve tantas identidades diferentes que existe uma organização de suas diferentes encarnações, muitas das quais não se dão bem (como foi explicado em LOKI), chamada de Conselho de Kangs.



As Identidades de Kang


Immortus:
 uma versão muito mais antiga do vilão, que frequentemente entra em conflito com o Quarteto Fantástico e os Vingadores, e que é um agente dos Guardiões do Tempo, os últimos seres vivos do Universo Marvel na linha temporal de Immortus (como foram mostrados na TVA em LOKI). Ele tem a tarefa de manter a integridade da linha temporal. 



Rama-Tut:
 um dos primeiros inimigos do Quarteto Fantástico, e a primeira identidade vilanesca de Nathaniel Richards. Rama-Tut viajou no tempo em uma esfíngie voadora – algo que poderia ser interessante de ser explorado no filme dos Eternos.



Rapaz de Ferro:
 integrante dos Jovens Vingadores, um herói de armadura que se inspirou em Tony Stark e que era na verdade uma versão adolescente de Kang tentando viver uma vida como herói, tentando escapar de seu destino como vilão. O herói infelizmente teve que retornar à sua própria linha do tempo devido a problemas com a mudança do passado, deixando sua vida e memórias como um herói para trás para cumprir seu destino tornando-se Kang, o vilão.



Centurião Escarlate:
 um guerreiro alienígena que tinha um relacionamento perturbador e complexo com Carol Danvers, mas que acabou provando ser outra identidade de Kang – que mais tarde ele passou para seu filho Marcus.



Victor Timely:
 um americano que morava em Illinois no início dos anos 1900 – e que acabou inspirando o professor Phineas Horton a construir o androide Tocha Humana, que lutou ao lado do Capitão América na Segunda Guerra Mundial. O corpo andróide do Tocha Humana foi mais tarde usado para construir o Visão – que tentou derrotar Kang sequestrando-o quando criança, resultando em uma versão ainda mais fragmentada de Kang, com ainda mais identidades.



Os poderes e habilidades de Kang


Kang não tem poderes próprios, mas ele é um estrategista militar, combatente talentoso e tem acesso a extensos armamentos de todas as eras da história, incluindo o futuro distante. Além disso, ele possui uma tecnologia de viagem no tempo incomparável.

O armamento do vilão inclui sua Base Dâmocles, uma enorme nave estelar em forma de espada que viaja no tempo e que detém um enorme arsenal próprio. No passado, Kang conseguiu lançar ataques em vários períodos de tempo ao mesmo tempo, incluindo na história Vingadores Eternamente, na qual Immortus reúne uma equipe de Vingadores de diferentes eras para desafiar seu eu mais jovem.

E, além de suas armas, Kang às vezes é apoiado por um exército de trilhões de soldados de todo o tempo e espaço, que ele usa contra seus inimigos. Dito isso, Kang tem uma grande fraqueza – seu rígido e estranho código de honra, que muitas vezes o leva ao fracasso. Embora às vezes ele se incline ou tente quebrar essas regras, Kang tem um código pessoal que o impede de derrotar seus inimigos por meio de traição, como voltar no tempo e matá-los quando crianças.



O super vilão no MCU

ESTE BLOCO CONTÉM SPOILER


Como apresentado no sexto e último episódio de LOKI, o Kang no MCU será interpretado por Jonathan Majors, mais conhecido por viver Atticus Black em Lovecraft Country, aclamada série do HBO. O vilão é o grande responsável pela TVA (ou AVT) e está controlando todo o multiverso de variantes da linha temporal do MCU - como foi apresentado no episódio.

O ator já havia sido confirmado como o grande vilão Kang em Homem-Formiga e a Vespa: Quantumania no ano passado, mas só agora deu às caras no MCU - através de LOKI.

Especula-se que uma versão do vilão estará no Reino Quântico, conceito já apresentado em Homem-Formiga e a Vespa (2018). E lá, Scott Lang e Hope Van Dyne vão embarcar em uma aventura pelo tempo para derrotar e capturar o vilão - mas por enquanto, nada foi confirmado.



Postar um comentário

0 Comentários